Fundação Dorina Nowill

Os Serviços Especializados da Fundação Dorina Nowill para Cegos são gratuitos e têm como objetivo oferecer, à pessoa com deficiência visual de todas as faixas etárias, tratamento adequado às suas necessidades, proporcionando condições para um desenvolvimento pleno, de acordo com seu potencial individual e suas condições sociais, educacionais e econômicas, visando a sua inclusão social.
O trabalho é desenvolvido com equipe interdisciplinar composta por profissionais das áreas de: Serviço Social, Psicologia, Pedagogia, Fisioterapia, Professores de Orientação e Mobilidade, Terapia Ocupacional, Ortóptica e Oftalmologia.

A Fundação Dorina atua em todo o Brasil por meio de projetos e ações que visam a inclusão de pessoas com deficiência visual.

Quem chega à sede da instituição, em São Paulo, recebe o apoio de equipes multidisciplinares dos Serviços de Apoio à Inclusão, que propõe programas específicos para que as pessoas com deficiência visual resgatem sua autonomia e independência, fortaleçam seus vínculos familiares, e assumam o protagonismo de sua história, exercendo seu papel de cidadão.

A Fundação promove em nível nacional a inclusão através de projetos de leitura inclusiva, e ações de capacitação para diversos públicos sobre questões relacionadas à deficiência visual.

Com o objetivo de atender os leitores brasileiros com deficiência visual, distribuímos exemplares de livros e revistas nos formatos acessíveis (braille, áudio e Daisy) para instituições cadastradas e bibliotecas públicas municipais em todo o Brasil. Os títulos são diversificados, entre clássicos da literatura, best-sellers, infantis, didáticos, paradidáticos, entre outros.

Esta ação permite a criação de novos acervos acessíveis às pessoas com deficiência visual que muitas vezes estão impossibilitadas de acessar equipamentos culturais em razão da falta de estrutura e acessibilidade, o que intensifica sua condição de vulnerabilidade.


Disseminando Conhecimentos

Quem foi Louis Braille?
Natural de Coupvray, pequena aldeia a leste de Paris, Louis Braille nasceu em 4 de janeiro de 1809. Ficou cego em 1812, aos três anos, após se acidentar na oficina do pai. Ao tentar perfurar um pedaço de couro com uma sovela, aproximou-a do rosto e acabou ferindo o olho esquerdo. A infecção se expandiu e atingiu o outro olho, deixando-o completamente cego. Para desenvolver um sistema de leitura e escrita para pessoas cegas, ele usou como base o sistema de Barbier, utilizado para a comunicação noturna entre os soldados do exército francês. Em 1825 o jovem francês Louis Braille apresentou a primeira versão do seu sistema de escrita e leitura em relevo para utilização pela pessoa cega. Em 1837, foi introduzida a versão final do sistema que, embora tenha levado algumas décadas para ser aceito na França, antes do final do século XIX já havia se difundido pela Europa e por outras partes do mundo.


O que é o sistema braille?
É um sistema de leitura para cegos por meio do tato, criado pelo francês Louis Braille. Braille apresentou a primeira versão do seu sistema de escrita e leitura com pontos em relevo, para a utilização do deficiente visual, em 1825. A escrita é baseada na combinação de 6 pontos, dispostos em 2 colunas de 3 pontos, permitindo a formação de 63 caracteres diferentes que representam as letras do alfabeto, números, simbologia aritmética, fonética, musicografia e informática.

O que são livros Daisy?
São livros digitais no formato Daisy, compatíveis com os protocolos internacionais de acessibilidade. O livro Daisy possibilita um ou mais arquivos de áudio, gravado em voz humana ou sintetizada, ser reproduzido em equipamentos portáteis ou sua navegação no texto (escrito e falado) ser feita em computadores com aplicativo de leitura Daisy (reader).

O que é Dorina Daisy Reader–DDReader?
É um aplicativo aberto e gratuito para a leitura de livros digitais no formato Daisy. Foi desenvolvido pela Fundação Dorina Nowill para Cegos para integração total com os arquivos nesse formato, produzidos em qualquer parte do mundo. Possui versões em português, inglês e espanhol. Já foram realizados mais de 7 mil downloads gratuitos desse leitor.

O que é cecograma?
Serviço que isenta a pessoa com deficiência visual das taxas de postagem de materiais em braille. Para utilizá-lo, basta colocar um dos selos apresentados no lugar dos selos tradicionais dos correios. O cecograma poderá ser enviado com registro ou com AR (aviso de recebimento), sem cobrança. Caso tenha qualquer dificuldade em enviar o material sem cobrança, solicite o telefone da agência e o nome de um responsável e entre em contato conosco pelos telefones (11) 5087-0990 ou 5087-0991. Para mais informações sobre o cecograma consulte o link: http://www.correios.com.br/produtosaz/produto.cfm?id=BCFC5CCB-C04A-0C37-D3A0A6779535126D




0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout por Flavinha Garota de Aquario

Design by Emporium Digital