Resenha - Jogos do Prazer - Madeline Hunter


A bela Roselyn Longworth já aceitou seu destino. Depois que o irmão fraudou o banco em que era sócio e fugiu do país levando o dinheiro dos clientes, suas finanças ficaram arruinadas, assim como suas chances de conseguir um bom casamento. 

Por isso foi fácil acreditar nas falsas promessas de amor de um visconde. Mas a desilusão não demorou a chegar: quando Rose não se sujeitou a seus caprichos na cama, o nobre se vingou leiloando-a durante uma festa em sua mansão. 
Ela acredita que o destino lhe reserva um fim trágico. Ainda mais ao ser arrematada por Kyle Bradwell, um homem que venceu na vida pelo próprio esforço, mas não é bem-vindo nos círculos mais exclusivos. 
Mas a jovem é surpreendida pela atitude dele, que a trata com um respeito e uma gentileza que ela não recebia desde antes do escândalo envolvendo o irmão. Quando Rose finalmente descobre o que está por trás do comportamento de Kyle, é tarde demais: já foi fisgada pelo homem que conhece seus segredos mais íntimos. 


Madeleine Hunter com diálogos inteligentes, personagens fortes, sensíveis e dosando humor, erotismo, escândalos e revelações na medida exata nos envolve com maestria.

Não li os dois primeiros livros da série, mas é impossível não reconhecer a força, a magnitude e a magia dos Rothwell (Hayden - As regras da sedução, Elliot - Lições de Desejo e Christian (o carismático, enigmático e excêntrico marquês que com as suas poucas aparições conseguiu toda a minha atenção e total curiosidade em conhecê-lo no quarto livro da série)) no envolvimento da trama, já que Roselyn é prima de Alexia esposa de um Rothwell.

Roselyn e Kyle não são nobres de nascimento, mas em atitude e caráter.

Ela consegue se manter forte e altiva apesar de sofrer com as humilhações provocadas pela covardia de seu irmão e nas falsas promessas de Norbury, um visconde cruel e mal caráter.

Ele um ex-minerador que com a ajuda de um benfeitor se formou arquiteto é um homem honesto, honrado, direto, determinado e apaixonante.

Kyle Bradwell não deixa muita escolha para Roselyn e a arte da conquista, do conhecimento e da entrega é apaixonante.



A total redenção de Roselyn ao cativante, belo e sensível Kyle revela a cada página um doce e encantador encontro de almas que nunca encontrei em minhas leituras.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout por Flavinha Garota de Aquario

Design by Emporium Digital