Não leia essa carta - Darlan Hayek Soares

Não leia essa carta

Sinopse - Não leia essa carta - Darlan Hayek Soares

"Meu amigo Lorenzo morreu em meus braços". É assim que Não leia essa carta começa. Andrew, o melhor amigo de Lorenzo, é quem narra essa história, passada na pequena cidade de Brandon, Flórida, EUA. Andrew é filho de um ex-assassino em série, Charles Polaróide, que recebeu o apelido por matar mulheres que namoravam homens feios e crianças adotadas e, após os crimes, deixar sua fotografia no local. O pai de Andrew tem em casa uma moldura com uma de suas vítimas o que faz Andrew crescer traumatizado. Constantemente chamado de lerdo pelo pai, Andrew encontra abrigo na amizade de Lorenzo, um garoto da mesma idade que é adotado pelo vizinho e melhor amigo de seu pai, Senhor Louis. O tempo passa e a amizade dos dois se fortalece. Até que um dia os dois recebem uma carta com ameaças. A carta cita diretamente os crimes do pai de Andrew, e ameaçam Lorenzo por ser adotado. As ameaças continuam, e a pessoa que as envia começa a imitar Charles Polaróide, utilizando o mesmo modo para matar pessoas próximas a Andrew. Quem manda as cartas? Por que ele está imitando o pai de Andrew? Será que Charles Polaróide está de volta à ativa? Essas são as questões que Andrew tem de descobrir se quiser salvar sua própria vida. Só que o tempo é curto. Lorenzo morre em seus braços. Quem terá acabado com a amizade que superou todos os desafios que o tempo impôs aos dois? Um livro emocionante, que mostra o valor de uma amizade, questiona os preconceitos, e nos faz deparar com temas importantes como redenção, orgulho, ciúme, amizade e arrependimento, de uma forma tocante e inesquecível.


Quando recebi o e-mail do autor convidando alguns blogs parceiros a participarem de uma promoção (o prêmio é um Tablet) onde o ganhador seria aquele que obtivesse mais comentários, mesmo sabendo que não teria nenhuma chance rs, pois não sou de solicitar comentários, entrei para cooperar, já que o objetivo principal do autor é o de ter uma opinião sobre sua obra e apontar os pontos negativos/positivos da mesma.


Assim recebi o “rascunho” em PDF confesso que não consegui parar de ler até a sua última página.


Fiquei chocada logo de início ao me deparar com o relato de Andrew sobre seu pai um “ex-assassino” que matava motivado (como se houvesse motivos que justifiquem um assassinato) por puro preconceito. Enfim, passado a surpresa inicial no desenrolar da história Andrew mesmo estando dentro dos padrões de beleza de seu pai é tratado como um garoto de raciocínio lento (compreensível, afinal quem conseguiria se sentir seguro carregando esse trauma).


Nem mesmo ao conhecer Lorenzo (que não se abalou com seu segredo) trouxe segurança e confiaça a sua vida, já que seu amigo tornou-se seu protetor desde a infância, enfrentando a todos que ameaçam sua “tranquilidade”.


Mas, ambos cresceram e Andrew apaixona-se o que abala profundamente essa amizade, porém ao receber uma carta misteriosa ameaçando a sua família e seu ex-amigo, essa amizade renasce em uma busca frenética pelo seu autor, e somos levados a desconfiar de todos até o seu trágico desfecho final.


Sem dúvida uma história que mexe com nossos conceitos e pré-conceitos.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout por Flavinha Garota de Aquario

Design by Emporium Digital