Odeio...


Odeio...


Odeio o fato de você ser sempre lembrado em minha mente,
Odeio que cada passo meu me leve até você,
Odeio que meu coração não obedeça
E se afunde, sempre que casualmente nos encontramos
Odeio o fato de me preocupar com você mais do que me preocupei
Com qualquer outra pessoa, em meus anos de vida,
E muito embora nem você se preocupe consigo.
 Odeio que escrever sobre você me mantenha aquecida, ao invés de sentir
O calor de seus braços....
Odeio ser a única a vê-lo como você realmente é;

Porque não importa o que digam, você é uma das pessoas
Mais doces que encontrei, embora não demonstre...
Por favor, não seja qualquer um
Apenas por medo da rejeição.
Não finja ser o que não é, só para agradar falsos amigos...
E não perca o que há de mais lindo em você, porque ela lhe faz especial
E é por essa parte sua , pelo que há em seu coração
Que eu digo: Odeio não poder lhe odiar....
Boa semana a todos!

Mari

1 comentários:

Mirela Lopes,  sáb. nov. 26, 12:00:00 PM  

OWN *-* Gostei do texto, Mari! Parabéns!

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Giro pelo Mundo

free counters

Quem espia

Comentários.

Campanhas Permanentes!

Alerta!

Protected by Copyscape Duplicate Content Check

Layout por Flavinha Garota de Aquario

Design by Emporium Digital