O Último Romântico




Acho que os homens perderam um pouco a noção do que é ser romântico. Para a maioria dos meus amigos, ser romântico é mandar flores no dia dos namorados, da secretária, das mães e de sei-lá-quem-mais...
            Para eles, ser romântico é levá-la para um jantar à luz de velas em seu aniversário ou no aniversário de namoro (quando se lembram). Pensam que são românticos, porque encontraram uma poesia na internet e enviaram para o e-mail dela. Abrir a porta do carro? Jamais... isso não é ser romântico, é ser cafona! Eles dizem...
            Confesso que às vezes acredito que os tempos do último romântico está chegando. E, sinceramente, não sei onde está a culpa.
            Hoje quando ouço no rádio “vem aqui pro seu Tigrão”, sinto uma nostalgia de um tempo que não vivi, mas estou certo, minha alma vem de lá... do tempo de “Tu és divina e graciosa, estátua majestosa do amor...”.
            Sim, eu sou um romântico inveterado. Mas as flores que eu mando chegam numa tarde de uma terça-feira qualquer sem motivos, sem intenções, apenas para dizer: “Oi, lembrei de você hoje, gosto de você”.
            O romantismo não está no ato, o romantismo está na alma. Atos e gestos de amor e carinho são conseqüências disso. Jantar a luz de velas? Quando se é romântico, um lanche no shopping pode se tornar inesquecível e tudo que você disser, soará aos ouvidos de sua amada como poesia. Não precisa recorrer aos poetas para ser romântico, basta ser você mesmo, sem medo de expressar o amor que vive aí dentro, preso no peito sob a vigília constante do medo de se mostrar ridículo.
            Ah, mulheres! E como os homens temem o ridículo! Paradoxo absurdo esse: Choramos que nem crianças quando nosso time perde na final de um campeonato, mas seguramos as lágrimas quando vocês se declaram...
            Se romantismo é ridículo, sou réu confesso! Eu levo café da manhã na cama, passo horas fazendo cafuné e cantando canções de ninar, carrego no colo, invento poemas e desculpas para ela sorrir, tempero a relação com flores, cuidado e, como não sou um romântico chato, um dedinho de pimenta também...
            Eu sei que apesar de tudo, estou longe de ser o último romântico. Mas que eu abro a porta do carro pra ela... ah! Eu abro...

8 comentários:

Ana C. Nonato qui jul 14, 05:31:00 PM  

Olá!

Isso chega a ser triste. Não digo que eu sou romântica - tenho umas ideias mais objetivas acerca do amor - mas concordo. Este virou apenas... não sei, fator sexual? Dominação? Tenho medo pelas próximas gerações.

Abraços!

Ana Carolina Nonato
Seis Milênios

c8ris qui jul 14, 05:32:00 PM  

oh meu deus me derreti em ler este post ^^ traduziu tudo que venho dizendo pro meu namorado em 3 anos ^^ adorei muito lindo

Carol D. qui jul 14, 10:56:00 PM  

Nem me fale! hahah achei que fosse só eu que sinto que deveria ter vivido em outra época.. :)
Adorei o texto, ficou muito legal!

bjs,
Carol
www.openpage.com.br

- sex jul 15, 12:44:00 AM  

Meu amigo realmente entende a alma das mulheres! Texto lindo! És raridade hoje em dia! Um beijo

Ahtange Monte Negro sex jul 15, 08:58:00 AM  

O romantismo já quase esquecido, que bom seria se tivéssemos mais românticos....
Bjos amiga lindo post!

Mari Sampaio sex jul 15, 09:30:00 PM  

Lindo texto como sempre! Sua escrita já está se tornando inconfundível para mim! Sobre o final do romantismo... Bom, com certeza, há poucos nos dias de hoje, mas nunca se sabe, não é?rsrs

Beijos!

Mariana Sampaio

Libério Lara qua jul 20, 05:02:00 PM  

Ana, também tenho ideias mais objetivas acerca do amor. Acredito mais em respeito e amizade, mas não deixo o romantismo de lado... rs
Cris, que bom que curtiu o texto! Obrigado!
Carol acho que muitas pessoas pensam como a gente, que estamos em épocas erradas... rs
Paulinha, obrigado, amore!
Ahtange, ainda bem que estamos no quase...
Mari, obrigado! Que legal que tem curtido meus textos! Beijão

Ana Luiza Rosa qui out 13, 07:25:00 PM  

Me derretendo com este post, é uma crônica com temática atual, isso devia ser mais retratado! rsrs
Se esconde querido Libério Lara, porque as mulheres vão te sequestrar na rua! rsrs
Por que será que os homens mesmo sabendo que a maioria das mulheres, gostam de homens românticos, não agem assim? E mesmo as que não são muito chegadas, gostam de homens comportados e digamos assim um pouco cavalheiros?!
É sim sim e sim, gostaria de ter nascido em outros tempos!

beijo,
Aninha - Ofício dos Livros

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout por Flavinha Garota de Aquario

Design by Emporium Digital