Editoras Parceiras


Em agosto de 2004, a Andross Editora nasceu no campus da Universidade Cruzeiro do Sul, em São Paulo, para abrir espaço no mercado editorial aos alunos que não tinham condições de publicar seus primeiros textos.

 Iniciou as atividades com obras acadêmicas, mas cresceu e se mantém no mercado graças a um modelo de negócio diferenciado: a publicação de antologias.



A Editora Angel. foi criada por duas amigas, que a ama leitura. E tem um desejo comum de proporcionar uma leitura de qualidade e atender um público em geral.


Tenha seu livro Publicado pela Editora
 A Editora Angel é um projeto para dar oportunidades para as Autoras Brasileiras, que irá lançar os livros no mercado, dando assim a oportunidades que todas precisam.

São vários serviços de primeira linha, da revisão ao marketing do Livro, com foco no lançamento e, vendas e construção do nome do autor.


       Para ter seu trabalho analisado, nos encaminha sua obra em formato PDF para o nosso
E-mail: contato@editoraangel.com.br 




Antologias Brasileira é o selo editorial da Editora Illuminare

A Illuminare nasceu em janeiro de 2014, fruto do desejo de unir livros e leitores, democratizando a leitura e descobrindo novos talentos na literatura nacional e internacional.


A Editora


 tem como missão tornar a literatura um novo prazer, através da edição de livros inovadores, criativos, diferenciados e com muitas histórias onde sentimentos, vidas e talentos são os componentes principais.

E, o 

objetivo da Editora 


Illuminare


 é abrir caminhos para novos escritores brasileiros na busca da concretização dos seus sonhos onde encantar o leitor é o foco principal.





APED – Apoio e Produção é uma editora especializada em assessorar escritores que desejam ver sua obra publicada.
Com profissionais especializados no mercado editorial, oferece os serviços que englobam as etapas do processo editorial e gráfico – desde a revisão do texto até a impressão do livro.
Nosso maior objetivo é publicar os livros de novos autores, que contarão com todo o suporte necessário para ver o seu livro impresso, dispensando a necessidade de avaliação de seus originais como acontece nas editoras convencionais. Na nossa editora, o autor poderá escolher a quantidade de  exemplares que deseja imprimir (a partir de 1 exemplar).
Mas a APED se preocupa também com a venda dos livros. Ofereceremos também a venda online através dos sites das grandes livrarias como a Saraiva, Cultura e Travessa.
Aqui o escritor encontrara sempre novidades, concursos literários, coleções, crônicas, notícias sobre o mercado editorial. vídeos explicativos, artigos e outras coisas mais. Tudo isso para deixar o autor/escritor sempre atualizado.
Complementando nossa atuação, a APED também disponibiliza sua estrutura para auxiliar e proporcionar suporte técnico para outras editoras, terceirizando partes do processo editorial sempre que necessário.

Geraldo Jordão Pereira (1938-2008) começou sua carreira aos 17 anos, quando foi trabalhar com seu pai, o célebre editor José Olympio, publicando obras marcantes como "O menino do dedo verde", de Maurice Druon, e "Minha vida", de Charles Chaplin.

Em 1976, fundou a Editora Salamandra com o propósito de formar uma nova geração de leitores e acabou criando um dos catálogos infantis mais premiados do Brasil. Em 1992, fugindo de sua linha editorial, lançou Muitas vidas, muitos mestres, de Brian Weiss, livro que deu origem à Editora Sextante.
Fã de histórias de suspense, Geraldo descobriu O Código Da Vinci antes mesmo de ele ser lançado nos Estados Unidos. A aposta em ficção, que não era o foco da Sextante, foi certeira: o título se transformou em um dos maiores fenômenos editoriais de todos os tempos.
Mas não foi só aos livros que se dedicou. Com seu desejo de ajudar o próximo, Geraldo desenvolveu diversos projetos sociais que se tornaram sua grande paixão.
Com a missão de publicar histórias empolgantes, tornar os livros cada vez mais acessíveis e despertar o amor pela leitura, a Editora Arqueiro é uma homenagem a esta figura extraordinária, capaz de enxergar mais além, mirar nas coisas verdadeiramente importantes e não perder o idealismo e a esperança diante dos desafios e contratempos da vida.

Para os que não sabem, o Brasil é atualmente um dos maiores mercados consumidores do mundo, também ocupando a posição de 7ª economia mundial, o que faz deste país um grande território para investimentos estrangeiros. A Audioteka que já está no mercado há 6 anos, procura além do mercado polonês, mercados que possam ser muito mais que pontos de investimento, mas também pontos para implementação dos nossos projetos, ações e idéias em favor do desenvolvimento regional, e juntando a nossa visão com os atrativos que o mercado brasileiro propõe, o resultado só pode ser um: SUCESSO.
Já operando em outros países, temos experiência de mercado e sabemos que passos seguir para trazer o melhor dos audiolivros para os nossos usuários. No caso do Brasil especificamente, contamos com o setor de audiolivros em demanda e com pouca oferta, neste sentido, procuramos trabalhar com as melhores e maiores editoras brasileiras para assim então oferecer um leque dos mais diversos gêneros e tipos de audiolivros a um preço acessível. 
Entre essas e inúmeras outras razões é que investimos no Brasil.



“O homem que não lê, vive apenas uma vida. Aquele que lê, vive várias.” 

A AVEC EDITORA foi criada em 2014 para trazer o melhor da literatura, principalmente da literatura fantástica, para seus leitores. Não queremos apenas editar livros, desejamos estar próximo dos leitores e dos autores. 
Descobrir novos talentos da literatura e também trazer  o que há de melhor no mundo.  Compartilhar emoções e ser uma peça do imenso quebra-cabeças da vida de todos.



LIVROS PARA MUDAR O MUNDO. O SEU MUNDO.


Transformar a vida das pessoas. Foi com esse conceito que a CDG Editora nasceu. Mudar, inovar e trazer mensagens que possam servir de inspiração para pequenas mudanças que trarão grandes benefícios no seu dia a dia.

E é baseada nessa ideologia que buscamos publicar apenas livros que possam ajudar nossos leitores a serem pessoas mais felizes e realizadas. Trabalhamos com escritores renomados como, Napoleon Hill, Sharon Lechter, Chritopher Phillips, Clóvis de Barros Filho, entre outros.

Dessa maneira, as obras propõem uma reflexão sobre atitudes que devemos tomar para que tenhamos uma vida profissional ou pessoal, bem sucedida. Com esta ideia central, a CDG Editora busca aprimorar obras que tocam de alguma maneira o espírito do leitor.

Editar livros não é o nosso trabalho, é a nossa paixão! 

Na Chiado Editora adoramos livros, os editados por nós e muitos editados por outros. E trabalhamos todos os dias para oferecer a cada Leitor o livro perfeito!

Chiado Editora é especializada na publicação de autores portugueses e brasileiros contemporâneos, sendo neste momento a maior editora em Portugal neste segmento, e uma das editoras em maior crescimento no Brasil. Em pouco mais de sete anos de existência, a Chiado Editora revolucionou o mercado do livro em língua portuguesa, editando mais de 1000 novos títulos por ano! Em virtude dos métodos inovadores de produção e distribuição que desenvolvemos, todos os livros publicados pela Chiado Editora estão, a todo o momento, disponíveis para todos os Leitores, nas maiores redes livreiras de Portugal e do Brasil.

A política editorial seguida pela Chiado Editora visa democratizar o mundo editorial, gerando as melhores oportunidades para os Autores, e oferecendo aos Leitores excelentes obras, de variadíssimos gêneros, a um preço justo e sem preconceitos.

Dado o sucesso conquistado em Portugal e no Brasil, a Chiado Editora expandiu o seu trabalho para vários países, em várias línguas diferentes. Poderá descobrir as obras publicadas pelas nossas divisões internacionais através dos seus websites. A Chiado Editora publica igualmente na AlemanhaBélgicaEspanha e América LatinaEstados Unidos da AméricaFrançaLuxemburgo,Irlanda e Reino Unido.
Convidamo-lo a descobrir os nossos livros. Temos sempre um livro que será um desafio para si. O nosso desafio é merecer que os nossos livros façam parte da sua vida.
https://www.facebook.com/ChiadoEditora





A Editora Filhos do Vento resulta da experiência acumulada e seus fundadores em vários segmentos da produção editorial, inclusive no papel de autora. Nessas dinâmicas foi que percebemos a necessidade de repensar algumas das relações de trabalho e de negócios que vigoram no ramo.



E quem somos? Uma jornalista, que também é escritora, e um designer que se propuseram a apresentar um outro modelo de negócio ao mercado editorial, fundamentado em nossos valores pessoais e empresariais de respeito a todos os envolvidos no processo.

Não foi um caminho fácil. Aliás foi bem demorado e exigiu grande empenho em pesquisas, aprofundamento em aspectos legais e muito, muito planejamento. Mas finalmente equacionamos todas essas variáveis e o que era projeto se torna realidade.

Nossa empresa trabalha com o modelo convencional de produção editorial, como poderão ver na seção PUBLIQUE, e ainda com prestação de serviços gráficos e editoriais. A este formato acrescentamos os princípios solidários que nos orientam a desenvolver uma atitude colaborativa junto a autores e grupos culturais que queiram conhecer mais sobre os caminhos da publicação.

Somos uma empresa nova e inovadora, determinada a atuar no mercado como marca associada a produtos de qualidade, capaz de desenvolver novos processos e tecnologias para a produção editorial e comprometida com a valorização e difusão da cultura local. Esperamos ser reconhecidos pelos valores que elegemos: sustentabilidade, respeitabilidade, transparência, solidariedade e responsabilidade social e empresarial.


Fundada em 17 de maio de 1984, a Editora Gente tem orgulho de ocupar um espaço destacado no mercado editorial brasileiro, com grande reconhecimento no segmento e também entre nossos consumidores como uma empresa profissional, inovadora, dinâmica, e, sobretudo, humana.
Nosso maior objetivo é contribuir com o desenvolvimento humano. Por isso, optamos por nos dedicar a três linhas editoriais: auto-ajuda, educação e gestão. A primeira, mais abrangente, abriga temas como espiritualidade, bem-estar, relacionamento, sexualidade, saúde, comportamento e finanças pessoais. A segunda aborda temas que atendem os interesses de pais, professores e pedagogos. Já a linha de gestão trata de questões de carreira, negócios, administração, gestão de recursos humanos e treinamento.
O ser humano é a nossa fonte de inspiração. A parceria com nossos autores nos faz ir sempre em busca de nosso objetivo, compartilhar conhecimentos e estimular o desenvolvimento de pessoas. Para isso, contamos também com uma equipe que tem a função de transformar conhecimento em produtos atraentes e de qualidade que agreguem valor aos nossos clientes.
Sempre atenta à evolução do mercado editorial e às tendências sociais e de comportamento no Brasil e no exterior, a Editora Gente está presente nos principais eventos do calendário literário nacional, e freqüentemente busca novidades em feiras internacionais. Sabemos que não há limites para o conhecimento e nossos livros vêm ultrapassando fronteiras. Muitos deles já foram publicados em diversos países.
É por tudo isso que cada vez que uma pessoa lê um dos nossos livros e consegue mudar algo em sua vida, estamos cumprindo nossa missão: ajudar o Brasil a se tornar um país de campeões.

Nossos Valores

Todas nossas ações estão baseadas em sólidos valores, divididos por nossos colaboradores e parceiros de negócios. É através dessas crenças que guiamos nosso dia-a-dia em busca de um futuro melhor.

Integridade

Ser coerente com seus pensamentos, discursos e atitudes, agindo com verdade e honestidade.

Espírito de Equipe

Valorizar e ajudar o próximo com humildade e responsabilidade, a fim de unir a equipe em busca de objetivos comuns.

Acreditar plenamente na concretização de nossos ideais com determinação e excelência.

Organização

Agir de forma estruturada e responsável, estabelecer diretrizes e implementando-as de maneira planejada.

Conhecimento

É a busca e a troca contínua de aprendizado, de maneira ampla e ilimitada, a fim de aprimorar-se e atingir a excelência.
Quando o jornalista Luiz Fernando Emediato fundou a Geração Editorial, em 1992, ele pensava apenas em ter um hobby que o distraísse de suas atividades intensas como jornalista, escritor, empresário e militante político na área social. Bem, já começou causando polêmica: um dos primeiros livros lançados, Mil dias de solidão, sobre o governo Collor, foi capa de Veja, que o considerou “o livro bomba do ano”. Já na primeira semana ocupou o primeiro lugar nas listas dos mais vendidos.
Desde então a Geração Editorial tornou-se, atrevidamente, “uma editora de verdade”, com sua literatura de qualidade, sua ousadia, sua agressividade no marketing e no mercado, sua independência. Nem sempre concordamos com o conteúdo dos livros que publicamos – mas nossa editora, como um jornal ou revista, ou seja, em meio de comunicação, defende sempre o direito de cada autor expor suas ideias e seus fatos. Foi assim com Memórias das Trevas, que derrubou o então poderoso senador Antonio Carlos Magalhães. ACM, indignado no início, não guardou rancor. Anos depois, recebeu Emediato com festas em Salvador.  Outra obra polêmica e que causou mobilização foi Honoráveis Bandidos, do jornalista Palmério Dória, um dos best-sellers da Geração.  Isso nos tem causado alguns problemas e ações judiciais, que quase sempre ganhamos. Algumas, infelizmente, perdemos, mas assim é a democracia.
No final de 2011 ganhamos maior visibilidade nacional com o lançamento do livro A privataria tucana, do jornalista Amaury Ribeiro Jr., que denuncia os bastidores de uma Era de Privatizações através de documentos secretos que revelam o envolvimento de José Serra e seus familiares em desvios de dinheiro para paraísos fiscais.
Em 2012 completamos 20 anos de história e teremos aquilo que o mercado livreiro e os jornalistas já se acostumaram a ver nesta “editora de verdade”: livros polêmicos, que balançam poderosos; literatura de qualidade, de autores consolidados, mas também de jovens brasileiros e estrangeiros que temos o orgulho de revelar; e humor, porque é rindo que podemos enfrentar o mau humor que a nada leva; e esta vontade enorme de aprender sempre, a cada dia.
Já não somos uma editora pequena, como naquele distante 1992 em que surgíamos fazendo enorme barulho. E queremos compartilhar nosso crescimento com todos que participam de nossa luta.
Grupo Ibep

Fundada em 1965 na rua Senador Feijó, centro de São Paulo, o IBEP — Instituto Brasileiro de Edições Pedagógicas é uma das mais avançadas editoras do mercado de livros didáticos com capital genuinamente brasileiro. Seus idealizadores, Jorge Antonio Miguel Yunes e Paulo Cornado Marte, tinham como meta renovar os livros didáticos distribuídos em escolas de todo o país produzindo obras que satisfizessem professores e alunos em sala de aula.

Com as professoras Gilda de Guimarães Piedade, Edna Lapa, Eunice Iost, Ruth Araújo, a editora formou o seu time inicial de autores com livros de alfabetização e de 1ª a 8ª séries. Do parque gráfico na rua Bresser saíram os primeiros livros editados pela empresa como O Curso Moderno de Admissão seguido da cartilha A Hora Alegre, além de obras de português, matemática e estudos sociais.
Seus fundadores apostavam no potencial dos livros didáticos, em crescente expansão nos anos 60, ocupando uma faixa em torno de 30% dos livros publicados, com a Companhia Editora Nacional na liderança do mercado. Unia-se o conhecimento administrativo de Jorge Yunes com a visão editorial de Paulo Marte — que adquirira experiência com a Linográfica imprimindo livros escolares — no dia-a-dia da produção, mantendo uma relação direta com os autores.

O formato dos livros precisava ser revisto e atualizado — muitos deles se mantinham nas escolas por décadas e décadas sem nenhuma reformulação em seu conteúdo didático. Inovar era a palavra de ordem da editora. Sendo assim, professores contratados exclusivamente pelo IBEP agregaram elementos ao texto como ilustrações e quadrinhos. Um sistema de produção e distribuição foi criado para que atendesse rapidamente as livrarias, as escolas e as vendas para o governo. No mais, a editora promoveu o acesso ao livro didático a todas as camadas sociais, além de criar edições específicas para diferentes regiões do país.

Uma das primeiras inovações do IBEP foi a impressão de livros em duas e quatro cores, em 1969. Os desenhos de Rodolfo Zalla e Eugênio Colonnese ilustraram os livros História do Brasil e História Geral, do professor Julierme de Abreu de Castro, para 5ª e 6ª séries, em quadrinhos, sucesso como primeiro exemplar escolar produzido nesse formato por uma editora brasileira. A partir de então, as ilustrações nos livros didáticos não eram mais simples acompanhamentos das disciplinas, mas, com a entrada da editora no mercado, foi introduzida uma nova linguagem ao conteúdo educacional, oferecendo aspectos lúdicos às obras.

O IBEP participou de todos os programas educacionais do governo para o fornecimento de livros didáticos desde a sua fundação. Em agosto de 1994, a editora venceu a concorrência da FAE — Fundação de Assistência do Estudante — para distribuição de 11,5 milhões de livros didáticos a seis milhões de crianças. O curioso é que os dois livros — Viajando com as palavras e Viajando com os números, de português e matemática — foram escritos pela professora Déborah Pádua Mello Neves, autora do IBEP desde 1970, com mais de 100 títulos escritos. Naquele ano, Déborah se tornou a escritora que mais vendeu livros no Brasil superando os best-sellers da literatura brasileira.

Até 1995 a avaliação das obras era tarefa exclusiva dos docentes das escolas públicas. A partir de então, com a implantação do PNLD — Programa Nacional de Livros Didáticos —, o MEC — Ministério da Educação — cria uma comissão para selecionar as obras, uniformizando o seu uso em diferentes regiões do Brasil.

Segundo dados da CBL — Câmara Brasileira do Livro —, o volume de livros didáticos vendidos ao governo chegou a 60 milhões de exemplares em 1994. Para 2004, esse número duplicou para 120 milhões de unidades em escolas públicas, ou seja, 51% em tiragem, superando as obras infantis e adultas. Ano em que o IBEP teve o melhor resultado qualitativo no PNLD com 12 coleções de livros didáticos aprovadas entre as 14 inscritas.
Em cada livro uma história de qualidade Fundada em 1925 pelo escritor Monteiro Lobato e seu sócio Octalles Marcondes Ferreira, a Companhia Editora Nacional representou uma revolução no mercado editorial da época, em um país pouco alfabetizado.

Monteiro Lobato trazia na cabeça lindas histórias infantis e um grande sonho: incentivar a prática da leitura e tornar os livros acessíveis à maioria da população brasileira.

A Companhia Editora Nacional foi uma das pioneiras a investir em projetos gráficos e acabamentos de alto nível das obras e na divulgação e distribuição das novidades do catálogo.
Obras didáticas ligadas ao movimento de renovação de ensino primário, cartilhas de alfabetização e de higiene, além de obras voltadas para o técnico-comercial começaram a chegar às escolas de todo o país com preços populares.

Monteiro Lobato traduziu para o catálogo da Companhia best-sellers da literatura mundial, como Pollyanna,PinóquioMowgli, o menino-loboA ilha do tesouro e muitos outros.
Octalles e Lobato, tomados pelo imenso e sincero amor pelos livros, editaram importantes autores brasileiros, como Machado de Assis, José de Alencar, Oswald de Andrade, Raquel de Queiroz, além de grandes coleções dirigidas por intelectuais de renome. Coleções como: Biblioteca das Moças, sucesso absoluto entre as gerações de mulheres até a década de 60; Brasiliana, reunindo mais de 380 obras de estudiosos nacionais e estrangeiros sobre o país, além de Terramarear, Atualidades Pedagógicas, Iniciação Científica, Espírito Moderno, Para Todos, tornaram-se conhecidas em todo o Brasil, auxiliando e preparando gerações de brasileiros.

Em 1980, o IBEP — Instituto Brasileiro de Edições Pedagógicas —, uma das maiores referências de qualidade no mercado nacional de livros didáticos, adquiriu a Companhia Editora Nacional, formando um dos maiores grupos editoriais do país, com capital 100% brasileiro.

Companhia Editora Nacional: compromisso com a educação brasileira.

Administrando um vasto catálogo e implementando novos projetos nas áreas de paradidáticos, literatura e divulgação científica, com a intenção de fornecer subsídios para alimentar a comunidade de leitores brasileiros, a Companhia Editora Nacional relança algumas das obras mais importantes de seu acervo de literatura infanto-juvenil, além de novos livros que divertem e proporcionam às crianças o contato com textos de qualidade.
O catálogo da Companhia Editora Nacional destaca autores nacionais de renome, como Tatiana Belink, Josué Guimarães, Pedro Bloch, Moacyr Scliar, Guilherme de Almeida, Paulo Mendes Campos, e internacionais, como Jack London, Eleonor H. Porter, George Orwell, Carlo Collodi, Mark Twain, Rudyard Kipling, entre outros.
Best-sellers como Dona Benta - comer bem, o mais famoso livro de culinária brasileiro, Como fazer amigos e influenciar pessoas, de Dale Carnegie, com mais de 45 milhões de exemplares vendidos no mundo, e obras variadas que abordam temas relacionados à sociologia, à psicologia e às artes enriquecem o catálogo e encantam o público em geral.

Proporcionar às crianças, aos jovens e adultos condições para que se sintam parte de uma comunidade de leitores é um compromisso de cidadania.
Investir em educação é investir no Brasil.



A Harlequin é especializada no entretenimento para mulheres e publica, mensalmente, 110 novos títulos, que são traduzidos em 34 diferentes idiomas e comercializados em 114 países. Os livros são escritos por mais de 1.200 autoras de todas as partes do mundo. Desde a criação da editora, já foram vendidos 6,17 bilhões de livros em todo o mundo.
Através de uma joint-venture com o Grupo Editorial Record, a editora canadense desembarcou no Brasil no primeiro semestre de 2005 e trouxe sua experiência no modelo de romances em série. A partir desse modelo, a Harlequin Brasil distribui, mensalmente, 20 novos títulos, em mais de 15 mil bancas distribuídas por todo território nacional, com preços populares e em formato de bolso, contamos hoje com as séries: Paixão, Desejo, Jessica, Harlequin Históricos, Rainhas do Romance, Flor da Pele, Primeiros Sucessos e Harlequin Special.



Desde de 2012, mergulhamos no mercado digital e além de oferecer grandes romances nas bancas e livrarias, nossos lançamentos são simultaneamente na versão física e na versão e-book.



Além das séries, a Harlequin Brasil oferece também, as edições para as livrarias, com obras de autoras consagradas na lista de mais vendidos do The New York Times, como Nora Roberts e Barbara Delinsky.

A Editora e Livraria HS – Henrique Silva, fundada em 27 de maio de 2014, entra no mercado editorial brasileiro com o objetivo de tornar-se referência nas áreas de Revisão de texto, Diagramação de livros, Criação de capa para livros, Tradução: textos em geral, livros e periódicos, do português para o espanhol e Publicação de livros (fantasia, ficção, autoajuda e demais temas – temas sempre ao critério de análise). Seu principal objetivo é tornar-se uma editora reconhecida nacionalmente como a melhor empresa para se publicar, sempre respeitando os autores e clientes e visando cada vez mais contratar os melhores profissionais para editar as obras e serviços prestados. A sua perspectiva é de lançar livros de qualidade, buscar assuntos inovadores e, ao mesmo tempo, diversificar o catálogo para atender às demandas de seu público.

Criada pelo escritor FERNANDO HENRIQUE DA SILVA. Está localizada na cidade de Andradas – MG, sul de minas, inscrita no CNPJ sob o nº 20.331.905/0001-51. “Tive muita dificuldade em encontrar espaço no meio literário, pois são poucas as oportunidades oferecidas para os autores nacionais. Por isso a editora criada por mim vem também com o objetivo de apoiar os autores nacionais e estabelecer parcerias com escritores. Gostamos de inovar e oferecer os melhores serviços com os menores preços. Entre em contato conosco e conheça nossos serviços!”.

FERNANDO SILVA, como é chamado no mundo literário, publicou em 2013 o livro chamado SEPUL, livro este que já foi traduzido para o inglês e está disponível em mais de 4 países, incluindo claro, o Brasil. Estudante de Direito pela UNIFEOB – Fundação de Ensino Octávio Bastos – São João da Boa Vista - SP desde 2012.

Localizada em Bauru, interior de São Paulo, a Idea Editora foi fundada em agosto de 2000 pelo empresário Rodrigo Coube.

Obras de conteúdo educativo aliado a design e qualidade gráfica marcam seu posicionamento editorial e de seus livros. Em 2002, percebendo uma oportunidade no mercado regional no atendimento a Escolas, Bibliotecas e Livrarias, começou a atuar também como distribuidora de editoras com perfis semelhantes. Atualmente, distribuí 3 selos editoriais dos mais variados segmentos em diversas cidades e estados.


Situada no Centro-Oeste do Brasil, na cidade de Goiânia-GO, o Grupo Editorial V.A.S é uma empresa  que busca a excelência no mercado Editorial. Mais do que simplesmente produzir livros, o nosso objetivo é produzir leitores, que em um futuro não muito distante poderão contribuir com o progresso da cultura em todo o mundo.

Acreditamos que um livro não é apenas um objeto físico composto por folhas impressas a qual é colada uma capa e se dá um nome, um livro é um universo infinito de ideias que nos possibilita cultura, compreensão, reflexão, saber, e acima de tudo prazer!


Um selo criado  especialmente para você autor nacional!

      Que deseja ter seu livro em todas as livrarias e busca um atendimento  profissional e  diferenciado.

A Métrica foi criada com o intuito de apoiar o autor que está começando a trilhar o caminho da escrita e publicação.

Sempre em busca de novos talentos, e com uma gama de profissionais incentivados a apoiar  o autor que está começando a trilhar o caminho da escrita e publicação.

Nossos  profissionais estão dispostos  a trabalhar e orientá-lo para que sua obra alcance um grande público, a fim de tirá-lo do anonimato.

E tudo isso contando com a qualidade de uma editora tradicional. Não cobramos para publicar!

E para os leitores  a facilidade de saber exatamente que gênero está adquirindo.

Contamos com três categorias:

Métrica Pink:
Romances leves e bem humorados.
Métrica Azul: 
Fantasias e Ficção para jovens de 10 a 60 anos
Métrica Vermelho: 
Romances picantes para você que adora uma leitura mais ousada.

 Conheça a Métrica o novo selo que chegou para mudar sua forma de ler e publicar um livro.


A Editora Muiraquitã entrou no mercado editorial em 1991, precisamente, no dia 24 de Setembro. Os fundadores eram dois colegas de profissão, Labouré Lima (egressa do Jornal Gazeta Mercantil e da Editora Vozes) e Yan Kleber de Moura (pioneiro no mercado editorial do Rio de Janeiro em prestação de serviços na área de editoração eletrônica para as melhores editoras, no ano de 1987). A dupla de sócios e fundadores, prosseguiu na direção até 1996, ocasião em que ocorreu o desligamento de Yan Kleber da editora. Desde então, Labouré Lima prossegue na Direção Geral. A primeira localização da Editora Muiraquitã foi na Rua Santa Rosa, em frente ao Colégio Salesianos de Niterói. Sendo que, em  1996, ocorreu a mudança para à Rua José Clemente, Centro de Niterói. Onde, ainda se encontra instalada. O primeiro livro publicado por esse selo editorial, saiu durante o período do evento "RIO-ECO 92". O título escolhido foi "Uma Visão Otimista da Crise", escrito por Yan Kleber de Moura. O livro surgiu dos diálogos ocorridos nas reuniões editoriais que os sócios mantinham regularmente, durante o primeiro ano da editora. Em 1997, já alçando voo solo na carreira editorial, Labouré Lima tomou a decisão de participar, pela primeira vez, da Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro. O entendimento que os novos autores necessitavam abrir espaço no mercado das letras para mostrar suas obras, instigou a realização desse propósito coroado de êxito, após o lançamento de nove títulos  durante o evento. Do início até os dias atuais, a editora conta com o número aproximado de 300 títulos publicados na área de Ciências Humanas. Tais obras reúnem poetas fluminenses dos mais renomados, magistrados, advogados, médicos, professores, estudantes, profissionais liberais e acadêmicos de diversos segmentos, entre os autores. O lema da editora Muiraquitã baseia-se em contribuir com a educação e formar novos leitores, considerando que essas pessoas estejam entre os responsáveis por um mundo melhor no futuro. 
Os autores interessados em ser nossos parceiros nesse ideal, são bem vindos!

Os Nove Bravos são personagens considerados como os máximos representantes do ideal da cavalaria durante a Idade Média. Algumas dessas figuras são personalidades reais, enquanto outras são de veracidade histórica dita duvidosa." - Adaptado do verbete Nove Bravos, na Wikipédia.

Forma e conteúdo de qualidade são nossos objetivos para satisfazer parte da necessidade literária de nossos leitores nos próximos anos.


Os dicionários definem Pandorga como sendo uma pipa, uma música ou até uma pantufa. Agora, você também poderá definir Pandorga como sendo a sua nova editora.

Com um catálogo que abrange os mais diversos assuntos que até hoje dominam o imaginário da literatura mundial, a Editora Pandorga tem como objetivo trazer livros de qualidade que atendam as necessidades especialmente do público jovem, formando assim os novos leitores brasileiros.

Outra preocupação da Editora Pandorga é relacionada com as crianças e seus pais, que no papel de educadores, precisam ter nos livros um apoio para a educação de seus filhos. Seja para as aventuras dentro do mundo fantástico da leitura infantil ou no apoio aos familiares sobre a educação de seus filhos, a Pandorga possui um acervo de títulos que irão agradar a todos. Desejamos uma ótima leitura. Equipe Editora Pandorga.

http://www.perse.com.br/novoprojetoperse/home.aspx
PerSe é um portal de publicação e comercialização de livros para autores independentes, um novo conceito no mercado editorial brasileiro. O autor é quem faz sozinho a publicação do seu livro. 

Nossa missão é ajudá-lo a realizar seu sonho de publicar seus livros da forma mais simples e prática possível, direto pela Internet. Os autores farão isso sem qualquer intermediação e gratuitamente. Caso necessite, estaremos à disposição para auxiliá-los em qualquer fase do processo de publicação, divulgação e comercialização dos seus livros.

Esse é certamente o modelo mais rentável existente no mercado, pois são os próprios autores quem determinam o quanto desejam receber de royalties e o preço de venda dos seus livros.

O conteúdo poderá estar previamente formatado ou o autor poderá formatá-lo no próprio sistema. É possível até mesmo utilizar o conteúdo de seu Blog, baixando-o diretamente no sistema.

Nele poderão ser publicados livros no formato Impresso e eBook, como preferir. No formato impresso poderá publicar seus livros em vários tamanhos, optar pelo papel mais adequado para o miolo, bem como pelo acabamento, entre capa dura ou cartão. A impressão será sob demanda (POD) a partir da compra feita pelos leitores na Loja PerSe.

Esse é o PerSe e trabalharemos para que a comunidade de autores independentes tenha sempre a melhor ferramenta de publicação e comercialização de livros do mercado brasileiro. 

Conte sempre conosco.



A editora Sextante e a editora portuguesa Saída de Emergência, dos irmãos António Vilaça Pacheco e Luís Corte Real, darão início a uma nova operação: A Saída de Emergência Brasil. Assim como a sócia portuguesa, a nova editora é dedicada a livros de fantasia e romances históricos luso-brasileiros.
Coleção Bang! lançará títulos de horror, ficção científica e fantasia. Os primeiros livros a serem lançados ainda em 2013 são "Mago - Aprendiz", de Raymond E. Feist, considerado uma obra-prima da literatura fantástica, "A Corte do Ar", de Stephen Hunt e "Tigana", de Guy Gavriel Kay, que revolucionou a fantasia histórica. 
De acordo com o cronograma editorial, a previsão é publicar um novo livro por mês em 2014.
Repetindo uma experiência bem sucedida em Portugal, a nova editora também publicará uma revista quadrimestral dedicada à cultura do fantástico, desde a literatura ao cinema e HQs, não faltando entrevistas, ensaios e ficção. O melhor da revista? A distribuição é gratuita.

Numa época em que o homem só dispunha do céu e das estrelas para se orientar, o Sextante era uma ferramenta fundamental para se atingir o destino desejado. Observando através do Sextante, o navegador se norteava, medindo a distância entre os astros e o horizonte.

Foi por essa razão que escolhemos o nome Sextante para nossa editora. Vivemos, nesse início do terceiro milênio, um momento de inquietação e ansiedade, em que a aparente perda de valores essenciais convive com uma intensa busca da felicidade. Conscientes dessa realidade, investimos para que cada produto da Sextante  seja um instrumento precioso para alcançar a paz interior, a espiritualidade e o crescimento pessoal, tratando sempre de temas importantes para a plena realização humana.

Tendo por denominador comum a busca da felicidade e da realização pessoal, nossos livros abrangem temas que vão do desenvolvimento espiritual à descoberta da vocação profissional, passando pela conquista da própria identidade e do amor que se deseja.

Fundada em 1998, a Sextante tem entre os seus autores Brian Weiss, James Van Praagh, James Hunter, Augusto Cury, Allan e Barbara Pease, Mark W. Baker e Hugh Prather.

Única é um selo de ficção que traz ao leitor brasileiro histórias originais, fortes e de personalidade. Cujos personagens são cativantes e aventureiros, mas com os pés no chão. A realidade contada pelos olhos da imaginação.
Uma editora focada nas boas histórias, que se permite acreditar que os defeitos são soluções, que sonhar é o caminho da felicidade. Que a lágrima é uma maturação das juras de amor.
Experimente-se Única. E se deixe guiar pelo mundo que só a literatura pode levar você.
Única. Imagine-se dona de um final feliz.
COMO VIVER MUITAS VIDAS EM UMA SÓ
Onde está a essência do ser humano? Nas suas qualidades? Nos seus defeitos? No fato de apenas existir? Muitas são as respostas para essas perguntas, e todas levam a uma reflexão: somos todos imperfeitos, falhamos tanto quanto acertamos, somos bons e maus ao mesmo tempo, sofremos e rimos, ajudamos ou atrapalhamos. Crescemos de uma forma ou de outra. Somos reais, emotivos, nem sempre aprendemos com nossos erros. Mas somos autênticos.
A diferença é a intensidade que damos a cada um de nossos passos.
E se vivemos uma única e breve vida e se não temos tempo ou condições de sermos tudo o que queremos ser, a ficção mostra que é possível experimentar e viver outras vidas em uma só.
O selo Única entra no mercado editorial brasileiro com a missão de provocar experiências. De apresentar histórias para serem vividas pelo leitor, realidades outras, intensas, inteligentes, provocantes. Personagens – reais ou não – que oferecem mais do que suas próprias vidas, que oferecem suas essências.
Viver todas essas experiências. Interagir, adaptar essas histórias para nossa vida. Decidir o tamanho de cada uma dessas experiências em nosso coração. Nos torna únicos.
Uma única filosofia composta de muitas opções e de muitas contravenções. O possível e o impossível são um só.
A única exigência é não ter limites.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout por Flavinha Garota de Aquario

Design by Emporium Digital